30 de março de 2016

Rápidas Impressões sobre o Filme Dead Pool


UM FILME DE HERÓI PRA SE FAZER RIR


   Olá a todos desculpem a demora, espero que estejam muito bem, aqui quem fala convosco é Murilo Filho, e hoje explanarei um pouco sobre o grande Filme do Herói, na verdade um Anti-Herói, que todos Amam Odiar ou Odeiam Amar, como preferirem, Dead Pool.

 De fato, um filme pra se fazer rir, sem sombra ou luz de quaisquer dúvidas, um filme extremamente divertido e, se brincar mesmo, um dos filmes mais engraçados do ano, ainda me arriscando a dizer. 

 Ryan Reynolds foi um dos maiores responsáveis por este filme finalmente sair, acontecer e ter se tornado o grande sucesso de Bilheteria que se tornou. 

 Isso porque o Ator que interpreta Dead Pool, é extremamente fã do Personagem, logo, ele possui, de antemão, muito conhecimento de causa dos próprios Quadrinhos, como questões de Origem, principais Tramas, Fórmulas de Sucesso e tudo o mais, o que permitiu que esse filme fosse feito com, digamos assim, todo o carinho e amor do mundo, literalmente, mesmo porquê, ele se passou no mês dos namorados e, acreditem se quiser, ele quis passar uma pegada romântica mesmo, querendo vender antecipadamente a idéia de que se tratava de um filme Romântico e não um mero filme de Heróis ou de Ação que fosse, só para se ter uma noção de como foi a promoção desse filme, quase tão louca como o próprio Personagem que dá nome a ele, mas, como dizem, o que importa é que deu certo, e muito, disso, vocês podem ter certeza, pois a Crítica e as Bilheterias não mentem jamais.

 Esse filme é o tipo da coisa, de tão Zoado nem ele mesmo se leva a sério, tirando a maior onda até mesmo nos créditos iniciais, falando da galera da produção, dos atores coadjuvantes, colaboradores, do Studio e até mesmo o diretor do filme não ficou de fora da zoeira, citando para vocês só como um exemplo: "Esse aí é o Gostoso", o "Cara é um Gatão", "Tira muita Onda", "Realmente se Garante", "Faltou dinheiro pra Pagar os outros Figurantes" e de resto vocês tiram, é daí pra pior mesmo, e kkk...

 O Filme também é recheado com Referências Pop, do início ao fim, principalmente, Filmes e Músicas dos anos 80. Então, para quem nasceu nessa maravilhosa década, como eu, essas referências, com certeza, tiveram um gostinho bem mais do que Especial, então, para o pessoal dessa Época, sintam-se devidamente homenageados, esse filme também arrasa nessa questão, se não, por assim dizer, principalmente, em relação a ela.

 Bom pessoas, é isso, qualquer comentário a mais seria mera redundância, até porquê, o filme é tão bom nesse aspecto ou sentido, que ele próprio se vende, e olha que faz isso muito bem, diga-se de passagem.

 Agradeço a todos por lerem e darem essa senhora Força ao nosso querido e modesto Site, foi simples dessa véz mas espero que gostem, pois foi feito com bastante adorno e carinho especialmente para vocês, está bem, um forte abraço a todos, passem muito bem e não deixem de acompanhar as nossas futuras Postagens, até lá.
  






Read more »

27 de março de 2016

A Temática do Sagrado em Batman vs Superman – A Origem da Justiça



| Wagner Williams Ávlis*.

Este artigo não tem por finalidade fazer a crítica de Batman vs Superman, A Origem da Justiça, coisa que inúmeros sites, tubers e blogs vêm fazendo dia a dia, muito mais com juízo de valor do que com análise técnica. Em outros termos, o que se tem visto, com três exceções das dezenas que li [1], são achismos do tipo “o que eu achei do filme”, e não o que é o filme; na esteira do assunto, a chamada “crítica especializada” vem se denunciando como nada especializada, haja vista seus criticadores não entenderem de gênero heroínico, serem leigos em comics, aterem-se mais a um pretenso “realismo” que a trama deveria apresentar do que na estrutura e no desenvolvimento do enredo. A finalidade deste artigo não é julgar o filme ou dizer como ele poderia ter sido, e sim abordá-lo como ele é, partindo de sua própria estrutura, essa sim, a prática da crítica artística.
O ritmo do filme
O enredo foi corrido, e não teria como ser diferente. A pretensão do filme era maior do que sua exibição: contar sobre a formação da trindade (Superman, Batman, Mulher-Maravilha) fundadora da LJA mais a introdução sobre a própria LJA, é algo colossal, inexequível a uma exibição de duas horas e meia. Nas próprias HQs os roteiristas gastam um longo arco, subdividido em capítulos, para explicar satisfatoriamente a formação da Liga da Justiça. Ainda no campo dos comics, na Era de Prata (1955-1970), quando da estreia da Liga da Justiça, Gardner Fox e Mike Sekowsky demoraram 5 capítulos justificando a junção d’Os Maiores Heróis do Mundo (“LJA: Starro, O Conquistador”, março-abril 1960) [2]. Nos anos 1990, Dave Gibbons, Karl Kesel e Steve Rude, em Superman & Batman, Os Melhores do Mundo (1990), perduraram 3 edições para dar coesão à união dos dois super-heróis mais antigos. Em 1997 foi a vez de Mark Waid demorar-se por mais 3 edições para unir a Liga em outra série de Os Melhores do Mundo [3]. Matt Wagner em Trindade (2005), Grant Morrison em LJA (1996) consumiram em média 3 edições para justificar o surgimento da trindade e da LJA. Na animação Liga da Justiça, da Warner (2001), de Bruce Timm e Paul Dini, foram necessários 4 episódios de 45min. para explicar a existência e a geração da Liga. Dei tais exemplos para ilustrar o megaempreendimento que é explicar a união da LJA até mesmo para quadrinistas e animadores, o que dizer para cineastas? A Marvel também não foi satisfatória em justificar a formação dos Vingadores em uma película, porém foi mais eficiente do que a Warner, posto que arregimentou a iniciativa avengers nos filmes solos dalguns personagens, amenizando a mão de obra. Em Batman vs Superman considero as solturas da trama justificáveis em função do curto tempo para uma épica que requereria 2 filmes de 120min cada. Ademais, opino que um filme de gênero heroínico não precisa ser rígido no pretenso "realismo" que tanto é reivindicado hoje pelo público. O universo DC com super-heróis poderosos é aquilo mesmo do filme: choque de energia, hiperimpactos, ondas de explosão, atravessamento de concreto, vidro, asfalto, ferragens, prédios, relevo, super-velocidade estroboscópica, escala de proporção imensa, poluição visual, ruído, digladiação de videogame (do tipo Injustice, outra referência de Zack Snyder), por isso a necessidade de IMAX e CGI.
A temática do sagrado
Das 10 críticas que conferi na web, entre artigos e vídeos, apenas uma percebeu a riqueza do enredo de A Origem da Justiça, a temática do sagrado funcionando o tempo todo na trama, mas que alguns críticos ávidos por perfeição realística na ficção [o que é um paradoxo ridículo], e atentos somente à superfície da história (i.e., a ação, o visual, a sonoplastia, os enfoques, os “furos” no roteiro) não conseguiram ver, e, se viram, desprezaram. Nesse filme, diferente de O Homem de Aço, o enredo não é mais “visto de cima” – com uma compreensão ampla , não gira mais em torno da perspectiva do Homem de Aço, e sim dos terráqueos, que vêm as coisas “de baixo para cima” – com uma compreensão confusa. A perspectiva tem começo nos questionamentos de Lex Luthor sobre o que é abrigar um alien desconhecido com poder ilimitado, incógnito, superior a todo gênero humano e capaz de dizimá-lo se descontrolado. A quem responde o kryptoniano e qual a natureza (colonizadora?) de sua raça? Esses questionamentos (visto em HQs como "O Homem de Aço", "O Último Filho de Krypton", "O Legado das Estrelas", "O Que Aconteceu ao Homem de Aço?/Para o Homem Que Tem Tudo", "Grandes Astros", "Lex Luthor, Biografia Não Autorizada", “Lex Luthor, O Homem de Aço”, "Luthor" – esta lançada recente pela Eaglemoss graphic novels) foram transpostos para o filme, materializados no poder público dos EUA e na opinião popular dos cidadãos do mundo. Isso conferiu peso à trama de Snyder, pois é essa a principal motivação de Batman ser o antagonista do Superman, pois, em certo grau, comunga das mesmas preocupações de Luthor, do Capitólio e do povo. Nesse sentido considero as razões do embate entre os dois vigilantes justificáveis. A temática do sagrado reside nesse impasse, magistralmente abordada na HQ "Inimigos Públicos", de Jeph Loeb e Ed McGuinness (2004), arco onde Lex é eleito presidente dos EUA, fazendo uma belíssima correlação entre as cosmogonias gregas, a teodiceia judaico-cristã, a teoria dos antigos astronautas e o Superman. Em Batman vs Superman há várias alusões a essa correlação. Há ilustrações referenciais, a começar pela luta de um mortal vestido de morcego com um ser extraterreno, tido por imortal e divinizado (Superman). Quando em um dos diálogos entre os dois Batman fraseia algo próximo a “só sairei daqui quando eu acabar com você” nos trouxe à tona este diálogo:
–Deixa-me partir, porque a aurora se levanta.
–Não te deixarei partir, antes que me tenhas abençoado.
É o diálogo entre o patriarca dos judeus, Jacó, com um anjo, quando o primeiro lutou contra o segundo (Gn 32,26), episódio ilustrado com maestria pelo pintor francês Alexander Louis Leloir (c.1865). Notem alguma semelhança da pintura com alguns quadros de arremesso na luta entre os dois vigilantes (que, de lamentável, não tenho imagens para comparar).



O quadro na sala de Alexander Luthor – uma batalha angelical – é uma releitura de pelo menos 13 telas:
Paraíso Perdido – A Expulsão de Lúcifer, de Gustave Doré.

O Arcanjo Miguel desafia Satanás na Batalha Antes dele Ser Expulso do Céu, de Gustave Doré.
Pecados Mortais, de Farlet.


Arcanjo Miguel Debela o Anjo Decaído, Luca Giordano.


A queda dos Anjos Rebeldes, de Charles Le Brun.



Lucifera, A Queda dos Anjos Rebeldes, de Peter Rubens.
Quem é como Deus?, de Domenico Beccafumi.

Luta do Arcanjo Miguel com Satanás, de Tintoretto.

O Arcanjo Miguel e os Anjos Rebeldes, de Giuseppe Cesari.

São Miguel e a Queda dos Anjos Rebeldes, de Peter Paul Rubens.

Precipitação dos Anjos Rebeldes, de Sebastiano Ricci.

Queda da Terça Parte dos Anjos, de Frans Floris.

Miguel Luta Contra o Dragão, de Staatliche Kunsthalle.

 As telas ilustram Satã e seus demônios lutando contra o Arcanjo Miguel e seus anjos, episódio relatado no cap. 12 do livro Apocalipse, da Bíblia, uma antecipação do que virá a ser a batalha da LJA contra as potestades vilanescas da Terra, das galáxias e do além. A cena de Superman cravando a lança de kryptonita no coração de Apocalypse (e, por favor, críticos, o nome é “Apocalypse” com /y/, para diferenciar do Apocalipse, com /i/, dos X-Men) é a pintura do quadro São Miguel Arcanjo Debela Satanás, do mexicano Luis Juárez, ou ainda do bronze de Giuseppe Lomuscio 
São Miguel Arcanjo Debela Satanás, de Luis Juárez, c. 1615.

São Miguel Arcanjo Debela Satanás, escultura em bronze de  Giuseppe Lomuscio, jardins do Vaticano.

uma forma de dizer que Kal-El é um deus angélico na luta contra o mal satânico, associado, como indica o nome, a Apocalypse. A cena de Superman planando nos ares em socorro a uma população ribeirinha alagada é a "volta do Cristo em sua glória", ilustração difundida pelo adventismo.
A Vinda Gloriosa de Cristo. Pintura adventista do 7º Dia

Sobre a Mulher-Maravilha, a Diana Prince, não tem o que dizer. Ela é a deusa Ártemis, latinizada como Diana, a deidade da lua e da caça.
Essas abordagens transversais é a riqueza do roteiro, pois elas, discussões sobre o sagrado, interseccionam as discussões profanas (questões políticas, militares, éticas) no decorrer do filme. Obras de arte sendo referenciadas o tempo inteiro no interior de outra obra de arte, os quadrinhos, esse sim o clima que domina o longa-metragem. A mitologia da trindade DC foi mais do que respeitada, foi promovida, uma verdadeira teodiceia heroica, e é isso o que o filme é, é isso que temos de ver, de baixo para cima, e não de cima para baixo. Bat-abraços.
________________________________________
(*) Professor de Língua Portuguesa, Literatura Brasileira, Redação, escritor da Academia Maceioense de Letras, articulista de imprensa. Nas horas vagas, é historiador do Homem-Morcego. 



[1] Blog Ozymandias Realista. Realmente se Tratava de Batman vs Superman?.
Blog Vamos Falar Sobre... Batman vs Superman: A Origem da Justiça, 2016.
http://danycostacine.blogspot.com.br/2016/03/batman-vs-superman-origem-da-justica.html
Site O Meio Bit. Batman vs Superman vs Marvel vs DC vs Internet.

[2] The Brave and the Bold nº 28, 1960, pp.07-33. In. Arquivos DC. Liga da Justiça da América vol.1. Ed. Panini, 2007, 548 págs.

[3] Publicada aqui pela ed. Abril de 1997-2000, num total de 33 edições. Houve ainda outro título de “Os Melhores do Mundo”, naquela vez publicado pela ed. Panini de 2007 a 2008, em 14 edições.

Read more »

25 de março de 2016

Conheça a ordem cronológica dos filmes e séries da Marvel

1. Capitão América: O Primeiro Vingador
4. O Incrível Hulk
6. Thor
9. Agents of SHIELD (1ª Temporada – Episódios 1-7)
10. Thor: O Mundo Sombrio
11. Agents of SHIELD (1ª Temporada – Episódios 8-15)
12. Capitão América: O Soldado Invernal
13. Agents of SHIELD (1ª Temporada – Episódios 16-22)
15. Agents of SHIELD (2ª Temporada – Episódios 1-19)
16. Demolidor (1ª temporada)
18. Agents of SHIELD (2ª Temporada – Episódios 20-22)

Já o CinePOP compilou para você as próximas datas de estreias da Marvel ATUALIZADAS. Confira:

MARVEL STUDIOS

Após incluir Homem-Aranha em seu universo, a Marvel adiou as estreias de quatro produções. ‘Thor: Ragnarok’, antes programado para sair em 28 de Julho de 2017 (data agora do novo filme do aracnídeo), foi empurrado para 3 de Novembro de 2017. ‘Pantera Negra’ será lançado em 6 de Julho de 2018; ‘Capitã Marvel’ em 2 de Novembro de 2018; e ‘Inumanos’ em 12 de Julho de 2019.
– Capitão América: Guerra Civil (4 de Maio de 2016 no Brasil e 6 de Maio de 2016 nos EUA)
– Doutor Estranho (3 de Novembro de 2016 no Brasil e 4 de Novembro de 2016 nos EUA)
– Guardiões da Galáxia 2 (4 de Maio de 2017 no Brasil e um dia depois nos EUA)
– Filme sem título do Homem-Aranha (28 de Julho de 2017 nos EUA)
– Thor: Ragnarok (3 de Novembro de 2017 no Brasil e um dia depois nos EUA)
– Vingadores: Guerra Infinita – Parte I (4 de Maio de 2018 nos EUA)
– Pantera Negra (06 de Julho de 2018 nos EUA)
– Capitã Marvel (02 de Novembro de 2018 nos EUA)
– Vingadores: Guerra Infinita – Parte II (3 de Maio de 2019 nos EUA)
– Os Inumanos (12 de Julho de 2019 nos EUA)





Read more »

17 de março de 2016

Os "Irmãos Russo" dizem que: Terceiro Filme do "Capitão América" foi originalmente bastante diferente de "Guerra Civil"


 No rescaldo da mais recente trailer de Capitão América: guerra civil , tem sido difícil falar sobre qualquer coisa, mas o Homem-Aranha, porque, você sabe, ele está pirando Homem-Aranha. Mas apesar do que todos os seus amigos têm dito, há muito muito mais acontecendo com este filme, e os irmãos Russo tocou em várias dessas coisas (e Homem-Aranha), em uma entrevista recente com a revista Forbes.

Você pode conferir o resumo de Matt do que eles disseram sobre Spidey aqui , mas eles tinha muito mais a dizer sobre o que tinha originalmente planejado para o terceiro Captain America filme, como Avengers: War Infinito irá expandir o alcance do MCU, e sua envolvimento com Ghostbusters .

Sobre como eles acabaram expansão Capitão América 3 em Guerra Civil :

Mas se você tem uma idéia muito legal e você precisa de mais US $ 20 milhões para que isso aconteça você tem uma situação onde você teve que voltar para o estúdio e pedir mais dinheiro para torná-lo possível?
JR: Isso aconteceu nesse filme, na verdade. Nós não podemos falar sobre isso, porque seria um spoiler, mas fizemos o nosso argumento, um som um argumento lógico para porque nós pensamos que iria ajudar e melhorar o filme que acabará por aumentar a bilheteria porque o melhor do filme é , melhor o filme vai fazer.

AR: O que podemos falar é que embora quando estávamos indo para fazer Captain America 3 não foi necessariamente vai ser o Capitão América: Guerra Civil . A ideia de que nós queríamos fazer Guerra Civil e que Robert Downey Jr. precisava estar envolvido, porque ele não estava indo para ser parte de Capitão América 3 , que mudou a equação financeira exatamente da maneira que você está falando - talvez mais ainda.

Então Capitão América: Guerra Civil poderia ter sido um filme muito diferente?
AR: Totalmente.É difícil de engolir concepção de Russo que "o melhor filme, melhor o filme vai fazer", como o tempo provou que não é exatamente verdade em quase todas as formas possíveis. Será que estamos todos aqui pensando que Avatar e Star Wars: The Force desperta são os melhores filmes? Bons filmes, claro, mas o melhor? Independentemente disso, seria interessante ouvir o que a ideia original do filme era antes da guerra civil tornou-se a grande idéia. E por falar em grandes histórias, aqui está o que os diretores tinham a dizer sobre novos personagens que entram na MCU na Avengers: War Infinito JR: Novos personagens que vão aparecer em Avengers: War Infinito . É um grande alastrando filme ambicioso, é sobre tão ambicioso como filmes de obter e que deveria ser, eo título por si só indica que haverá um scape incrível e escopo a ele.

AR: Destina-se a ser todo o culminar do universo cinematográfico Marvel e, de muitas maneiras, a fim de que parte dela. Mas nós nem sequer temos o primeiro esboço em em mais esse script; ainda estamos na fase de esboço. É difícil não falar sobre isso também especificamente agora só por causa de spoilers, mas também porque ainda estamos descobrir isso não deve vir como que de um grande surpresa. Mesmo se os dois filmes Vingadores anteriores não foram a rebentar com novos personagens e alusões a outros, o próprio título da Guerra Infinito parece inevitável para se vangloriar como muitos super-heróis e seres humanos que ajudam super-heróis como você pode imaginar. Seria fantástico para ver os gostos de Demolidor, The Punisher, Jessica Jones, Punho de Ferro, e Luke Cage passar de Netflix para fazer uma aparição, mas que pode vir com uma dor de cabeça legal que faria qualquer advogado decente quiser ir tudo scanners . Veremos, mas Guerra Infinito é definitivamente vai ser um grande filme maldito, tanto que ele está apagado a programação Russo Bros. e os fez caminhar longe de outras oportunidades, como Ghostbusters . Aqui está o que eles tinham a dizer sobre isso:Você têm sido associados a um filme Ghostbusters. Qual é o status com isso?

JR: Não há status com isso por nós. Houve um período lá quando Paul Feig foi envolvente Sony em conversações sobre Ghostbusters e nós também envolvê-los. Ele foi ainda mais junto com seu processo do que fomos e ele fechou seu acordo de modo que é a única Ghostbusters mundo que está sendo explorada agora em cima da Sony. Uma vez que tomou Guerra Infinito-lo também nos fora da mesa para qualquer tipo de qualquer trabalho potencial em um projeto de Ghostbusters.

Então, você tem isso. Os Russos têm definitivamente definir-se uma tarefa muito importante para si tanto com guerra civil e Guerra Infinito , o suficiente para que eles estão sacrificando uma grande parte da sua carreira criativa para levar os projetos por diante. Se eles retirar qualquer coisa parecida com um filme coerente, bem sucedido com cada peças, eles vão essencialmente ser capaz de escrever seu próprio bilhete daqui para frente. Se não, os fóruns e seções de comentário não será misericordioso. Pensando bem, eles provavelmente não será de qualquer maneira.





















Fonte: collider.com/captain-america-civil-war

Read more »

16 de março de 2016

É Demolidor vs. Justiceiro na nova temporada 2 Featurette


Na primeira temporada da Netflix Daredevil , Matt Murdock ( Charlie Cox ), explicou a um júri que a linhTambém destaque na 2 ª temporada são Elodie Yung como quadrinhos assassina Elektra, Elden Henson como Foggy, Rosario Dawson retorno de Claire Temple 's, e Scott Glenn no papel reprisou de Stick. Daredevil voltará nesta sexta-feira, March 18th, na Netflix. Confira a sinopse abaixo.

Apenas quando Matt acha que ele está trazendo ordem de volta para a cidade, novas forças estão subindo na cozinha do inferno. Agora, o Homem Sem Medo deve assumir um novo adversário Frank Castle e enfrentar uma antiga paixão - Elektra Natchios. problemas maiores surgem quando Frank Castle, um homem à procura de vingança, renasce como The Punisher, um homem que faz justiça com as próprias mãos bairro de Matt in. Enquanto isso, Matt deve equilibrar o seu dever para com sua comunidade como um advogado e sua vida perigosa como o Diabo da cozinha do inferno, de frente para uma escolha que altera a vida que o obriga a realmente entender o que significa ser um herói.a entre o bem eo mal às vezes é uma linha reta, às vezes um borrão. Esta delimitação será mais deste último na 2 ª temporada, quando Jon Bernthal estréia como Frank Castle (aka the Punisher). Um novo featurette divulgado antes de o retorno da série mergulha um pouco mais fundo nessa guerra civil entre o Demolidor eo vigilante mais escura.

Os trailers anteriores ouvi Frank dizer Daredevil que "ele é um dia ruim longe de ser eu", enquanto Karen Page ( Deborah Ann Woll ". Poderia ser qualquer um de nós") observa na featurette que Frank Bernthal continuou:

Ele não é um vilão. Ele não é um super-herói. Ele está tentando fazer as pessoas pagar por aquilo que eles fizeram. marca de justiça do Demolidor é ridículo Frank, mas ele é um adversário tão digna ... tão escuro como ele é, dentro há um homem que sofreu a perda real.
Esta perda de sua família é o que tem metamorfoseado este homem para se tornar o anjo negro vestindo crânio da Cozinha do Inferno. Enquanto Daredevil procura a justiça, Frank busca vingança fatal, o que coloca os dois em desacordo. Assista ao featurette abaixo.

Também destaque na 2 ª temporada são Elodie Yung como quadrinhos assassina Elektra, Elden Henson como Foggy, Rosario Dawson retorno de Claire Temple 's, e Scott Glenn no papel reprisou de Stick. Daredevil voltará nesta sexta-feira, March 18th, na Netflix.

Confira a sinopse abaixo:

Apenas quando Matt acha que ele está trazendo ordem de volta para a cidade, novas forças estão subindo na cozinha do inferno. Agora, o Homem Sem Medo deve assumir um novo adversário Frank Castle e enfrentar uma antiga paixão - Elektra Natchios. problemas maiores surgem quando Frank Castle, um homem à procura de vingança, renasce como The Punisher, um homem que faz justiça com as próprias mãos bairro de Matt in. Enquanto isso, Matt deve equilibrar o seu dever para com sua comunidade como um advogado e sua vida perigosa como o Diabo da cozinha do inferno, de frente para uma escolha que altera a vida que o obriga a realmente entender o que significa ser um herói.






Fonte: collider.com/daredevil-season-2




Read more »

1 de março de 2016

Resumo Oscar Nerds por Hq



Ontem na cerimonia do Oscar, Mad Max arrastou foi tudo, das 10 indicações eles ganharam 6 estatuetas;


Melhor Montagem

Melhor Design de Produção
Melhor Figurino
Melhor Edição de Som
Melhor Mixagem de Som
Melhor Maquiagem e Penteado





Uma pena foi Star Wars que não ganharam nada, mas C3PO R2D2 e BB8 fizeram uma participação mais que especial,










mas a parte mais emocionante da premiação foram as homenagens póstumas ao som de Blackbird dos Beatles na voz de Dave Grohl, 









tanto o universo nerd como o cinema teve as grandes perdas que foi o Alan Rickman que fez o professor Severus Snape de Harry Potter, Christopher Lee Saruman, Leonard Nimoy nosso eterno Spock













Read more »

 
Powered by Blogger